sábado, 9 de dezembro de 2017

Karambit é a lâmina mais letal do Mundo?




Devido a sua utilização em filmes de ação recentes, séries e games, a fama da  Karambit como uma lamina brutal altamente letal se espalhou pelos quatro cantos do mundo. E consequentemente muitos cursos de auto defesa adotaram o uso dessas laminas em seus currículos. Mas a  verdadeira questão é:   A karambit é uma realmente  digna de um arsenal de sobrevivência? Ela é a lâmina mais mortífera do mundo  atualmente? Antes de responder essas  questões vamos conhecer a sua história bem como enumerar os prós e contras.






História da karambit



A karambit é uma faca de luta pessoal de pequeno a médio porte que foi desenvolvida  no arquipélago indonésio. Possui uma lâmina distintamente curvada que é moldada muito como a garra de um tigre e é tão eficaz. Geralmente apresenta um grande anel ou furo na extremidade da alça, de modo que um dedo pode ser inserido para garantir um aperto muito firme. 

Por causa da forma única da lâmina, o karambit é  projetado para raspar e rasgar, como a garra de um tigre. Também pode ser uma arma muito eficaz para cortar a garganta de alguém. Conhecido como " kerambit " na Indonésia e na Malásia e "karambit" em outros lugares, essa lâmina exótica tem suas origens na cultura agrária do povo Minangkabau de Sumatra Oeste.

Desde o século 11, a karambit foi uma ferramenta indispensável para os agricultores para a colheita de arroz, raízes e animais esfolados. Sua forma de garra era uma homenagem ao Tigre de Sumatra, e como evidenciado por seu outro nome  " Kuku Macan " (garra de tigre). Na época, o karambit era considerado uma arma de último recurso por guerreiros indonésios que se opunham a colonos holandeses. 





Os tipos tradicionais incluem:

Kuku Bima : garra de Bhima de Java Oeste;

Kuku Hanuman : a garra de Hanuman do oeste de Java;

Kuku Machan : garra de tigre , endêmica de Sumatra , Java Central e Madura;

Kerambit Sumbawa : kerambit maior e mais robusto feito especialmente para a batalha. Das Ilhas Sumba;

Kerambit Lombok : kerambit maior, mais resistente feito especialmente para a batalha. De Lombok;

Lawi Ayam : garra de frango , criada pela comunidade Minang.


As mulheres indonésias também amarraram karambits aos seus cabelos e os usaram como armas de defesa pessoal; de fato, o karambit ainda é considerado uma arma feminina por algumas escolas modernas de Pentjak Silat.



Graças à colonização européia do Sudeste Asiático, a karambit abriu caminho para países vizinhos como Camboja, Laos, Malásia, Mianmar, Tailândia e Filipinas. Quando e como chegou às margens americanas não é claro, no entanto, embora seja possível que sua introdução coincidiu com a emigração de alguns praticantes asiáticos de artes marciais para os Estados.

Para tornar o karambit uma ferramenta de autodefesa comercialmente viável, alguns créditos são feitos para pessoas como o ex-funcionário Steve Tarani da CIA. Depois de se retirar da CIA nos anos 80, Tarani foi para a Indonésia para estudar Pentjak Silat - e então fundou sua própria escola nos EUA. Ao retornar, Tarani surgiu com sua própria linha de karambits "modernizados" com seu nome. Hoje, há muitos outros fabricantes de facas que, desde então, criaram suas próprias lâminas, incorporando seus próprios projetos e usando uma variedade de materiais.

                Ex-funcionário Steve Tarani da CIA





Partes do karambit


Os tipos de karambits mais simples e tradicionais têm apenas três partes principais.

Lâmina curvada - A lâmina de corte do karambit é diferente de uma faca convencional na medida em que ela se curva como a garra de um tigre. A lâmina pode ser dupla ou de unha-afiada, com ou sem serrações.
Empunhadura - As alças tradicionais de karambit são muitas vezes feitas de chifre de búfalo ou de madeira. Os fabricados comercialmente usam metais ou materiais sintéticos.
Anel de segurança - É o que diferencia o karambit de outras lâminas, na medida em que garante  uma melhor retenção da lâmina em sua mão no impacto no momento do combate. Enquanto um dedo o indicador ou o mindinho, dependendo da empunhadura está no anel de segurança, o desarmamento ou a queda da lâmina é mais difícil. O buraco do dedo na alça do karambit torna difícil para você largar a faca ou tirá-la de você. Como bônus adicional, a lâmina é uma excelente ferramenta para cortar  ou cintos de segurança, como no caso de uma extração de veículo de emergência.


Como a maioria das armas, o karambit tem sua parcela de prós e contras. Com o veremos a seguir:





Vantagens




Danos imensos no inimigo  - Você pode procurar vídeos de violência e brigas com facas, e verá que muitas pessoas no momento da briga são esfaqueadas diversas vezes e nem percebe por estar com o corpo quente, e consequentemente continuam lutando. Com a karambit isso não acontece devido ao grande estrago a tecidos rasgando e lacerando, a dor e a hemorragia dos ferimentos são muito grande, você acaba rasgando artérias e tendões.   Ferindo o oponente fisicamente quanto psicologicamente;

Dissimulação - Alguns karambits comercialmente disponíveis são facilmente ocultáveis, como o tipo de dobradura ou os modelos embainhados em miniatura que podem ser usados ​​ao redor do pescoço. Essas lâminas carregam o elemento de surpresa graças ao seu pequeno tamanho e colocação não convencional. Para uma ocultação máxima, algumas empresas fazem lâminas em miniatura;


Não há necessidade de uma bainha - Os karambits de tipo dobrável podem ser facilmente transportados em um bolso de calça, sem necessidade de uma bainha - algo que nenhuma lâmina fixa pode fazer sem danificar suas calças, testículo ou cortar-se de alguma forma;

Boa retenção - Uma característica única do karambit é o seu anel de segurança, o que torna difícil para um oponente fazer você soltar, ou tirá-lo de você. Por causa desse recurso de segurança, alguns usuários optam por ter o karambit como arma de backup;

Destruição / laceração dos membros - Na mão de um usuário qualificado, o karambit é muito eficaz como uma ferramenta de luta; a lâmina pode facilmente travar o braço de um oponente, então, com uma simples torção da punho, pode causar sérios danos aos nervos, tendões e artérias do oponente;
Excelente para lutar - Um usuário experiente ainda pode usar e implantar sua arma, mesmo em uma situação próxima de luta;
Versatilidade - Os movimentos empregados para um karambit são diferentes da ação usual de  facas comuns e seu oponente pode ter dificuldade em "ler" seus movimentos e contrabalançar. As ações de perfuração, puxão, esfaqueamento, agitação e corte são possíveis com esta arma, e usuários qualificados podem fazer uma transição rápida entre esses movimentos;

Emergências - a lâmina é uma excelente ferramenta para cortar  ou cintos de segurança, como no caso de uma extração de veículo de emergência;
 
Aparência intimidante - O próprio design de alguns karambits é suficiente para impedir potenciais atacantes. As serrações, as grandes superfícies de corte, as lâminas grandes, as lâminas de dois gumes e os anéis de segurança com pás / reforçados podem fazer os adversários pensar duas vezes antes de enfrentar a tal lâmina. 





Desvantagens



Como arma de defesa contra lâmina convencional - Elas são excelentes para ataques. Mas se você estiver usando uma karambit, e for obrigado a se defender contra um oponente com uma faca convencional com uma lâmina fixa, e possuindo a habilidade necessária,  você pode ser atingido no punho ou mãos. Pois além da lâmina curva e sua pegada ela tem o alcance menor;





Tarefas de Sobrevivencialismo - Karambits não são a melhor faca de utilidade ou faca geral para ter. Eles podem cortar, mas não são adequados para tarefas pesadas, como cortar lenha, lança improvisada, caçar  animais ou outras tarefas de sobrevivência;
Alcance limitado: A menos que você use um karambit de lâmina maior, sua técnica de luta será limitada a situações muito próximas. Para usar efetivamente a lâmina, você deve estar dentro do alcance do seu oponente;


Tempo maior de aprendizado  - Comparada ao treinamento de usar lâminas convencionais, é preciso mais tempo, paciência e habilidade para aprender a usar um karambit efetivamente, pois seus movimentos são muito deferente das facas convencionais, e ao mesmo tempo, os golpes devem ser precisos para causar a maior quantidade de  hemorragia e lacerações de forma precisa para incapacitar o oponente rapidamente. E ainda a pratica é necessária para dominar o uso do karambit. O descuido também pode levar à auto-lesão;
Limitada a movimento de rasgos - Por virtude de sua forma, o karambit se presta melhor para rasgar, lacerar em vez de estocar e cortar, o que poderia ser uma desvantagem ao tentar alcançar um adversário.





A Karambit é a lâmina mais mortífera do mundo?










Esta é a “Jagdkommando Tri-Dagger”,Considerada pela maioria como a arma branca mais letal do planeta atualmente. Foi designer foi criado com um único objetivo matar. 

Com sua  lâmina de torção tem uma margem de  100% de sucesso em sua tarefa letal, sendo adotada pelos principais grupos operacionais de elite no mundo atualmente. Os seus é necessário um time de cirurgiões para tratar a ferida e a vítima sangra bastante em minutos.

 É uma característica saliente que é a sua impressionante aparência de torção de lâmina, para que você não precise. Veja, é uma coisa para esfaquear alguma coisa, mas se você realmente quiser ir para matar, você torcerá essa lâmina quando estiver lá. Esta adaga te salva um passo. Também funciona como um quebra de vidro, com a bainha tornando-se a alça do disjuntor. É um pedaço de kit impressionante.

Com sua lamina tripla em formato de espiral ela tem a função de perfurar carne, torcer tecidos e romper artérias e veias. Os furos no centro da lamina são para impedir que o sangue coagule caso a faca fique encravada no corpo do oponente, de forma que o sangue flui pelos buracos impedindo estancamento do sangramento pela própria lamina, como ocorre com as facas comuns.



A Wasp Knife




Esta lâmina depois de penetrar o alvo “injeta uma bola de gás comprimido capaz de ‘acabar’ com sua vítima ao aperta um botão”. Uma agulha na ponta da lâmina da faca expele uma bola de gás gelado que cresce instantaneamente congelando os órgãos internos da vítima.

para se ter uma ideia da potencia dessa arma ela foi criada para sacrificar grandes animais como ursos e tubarões. Veja a violenta explosão que ela causa nos vídeos abaixo:







Kris


É lâmina  da  Malásia  com  várias  curvas  assimétricas  no  formato  flamejante.   Havia  uma  crença  antiga  que  dizia  que  a  Kris  protegia  o  proprietário  e  sua  casa.  Em  épocas  antigas  os  guerreiros  mergulhavam  sua ponta em veneno. A sua forma gera extenso estrago em órgãos internos e músculos tanto na estocada quanto na retirada da lamina. 




Kukri



Maravilhosa para defesa domiciliar e uso na mata essa lâmina é originária  do  Nepalpesada  e  com  tamanho  aproximado  de  uma  pequena  espada.  É  a  arma  símbolo dos Gurkhas, soldados nepaleses respeitos e temidos, que atuam para o Império Britânico.
Tipos de golpes, foi projetada especificamente para combate. A forma da sua lamina foi desenvolvida para decapitar e amputar.







Uma pequena Observação


                                                 Empunhadura saksak


       Empunhadura pakal

Com certeza você já deve ter ouvido milhares de vezes diversos instrutores de defesa dizerem que em relação a empunhadura da karambit, essa ou aquela pegada é correta por que voce tem o controle de distancia, e quem controla a distancia controla a luta.

Não está errada a observação em relação da distancia. Mas a grande verdade que a Karambit é uma excelente lâmina de autodefesa, por que além de sua brutalidade, e movimentos ágeis esvicerantes e lacerantes a Karambit como qualquer faca permite uma grande versatilidade de movimentos. E em um combate existe milhares de possibilidades de ataques e defesa.

Por exemplo, se você é pego com um mata leão a melhor forma de se livrar é a pegada inversa para rasgar a coxa ou o testículo. Lembre-se nunca siga cegamente uma pessoa por causa da sua faixa ou pelas histórias de combate fantásticas que ele conta.

Tanto a  pegada em pakal quanto a  saksak tem dezenas de aplicações tudo vai depender da sua habilidade e forma de combater. 


Na empunhadura saksak, por ser curva, tem alcance menor, criando uma situação de desvantagem quando o oponente também  possuir faca. E no pakal, como em qualquer faca, o antebraço fica exposto. Nuca se esqueça o professor ensina a técnica, mas você vai desenvolver sua forma de combate.



Você é um combatente urbano, analise e treino com um amigo de confiança. Para ver se as técnicas são eficientes. Para você evoluir a sua maneira, criando a forma de ataque e defesa que mais condiz com seu tipo. Existem milhares de combatentes com perfis diferentes, um usa mais sua força, outro mais técnica, outro mais brutalidade e ferocidade (estilo Mike Tyson), outro agilidade, e ainda há aqueles que gostam de usar estratégias para iludir e pegar o inimigo de surpresa. Quem vai estar na rua na hora do perigo é você e sua família, não em seu professor que diz que já lutou com mais de cinco  criminosos armados e depois de deixa-los no chão, correu e pegou o ônibus mais próximo para casa. Acredite ou não ouvi esse tipo de história umas cinco vezes em academias tradicionais diferentes.





Conclusão


       Dr.Hannibal dando uma karambitada no seu amiguinho Will


Agora vamos a resposta a pergunta inicial. Se a Karambit é a melhor faca combativa e letal para o combatente urbano usar?

Entenda uma faca,  um revolver, uma pedra , uma caneta são ferramentas, a verdadeira a arma é a mente do combatente que por meio de rapidez, agilidade, fluidez e ferocidade transforma qualquer objeto em uma ferramenta mortal. Você é a arma. Treine focando isso. 

Dado os prós e contras, o karambit pode ser um ótimo item e uma adição digna ao arsenal de um sobrevivência e combatente urbano, se e esse é um grande  "se" ,ele investe tempo suficiente e treinamento para fazê-lo assim. 

Como qualquer outra arma, a resposta real sobre ser mais letal ou não depende inteiramente do indivíduo que a porta. Até uma AK47 na mão de uma ovelha medrosa e chorona não vai servir para nada. Por outro lado, se ele não toma o tempo necessário para treinar no uso da lâmina e levá-la a sério, então é melhor escolher e dominar uma arma diferente. 

Todas as laminas são  mortíferas se a intenção do usuário é causar danos e ele treina para isso.  Eu vejo a Karambit como uma arma fantástica para  defesa preventiva, ou seja atacar ao perceber a ameaça real, já que a melhor defesa é o ataque. Uma arma brutal que lacera e rasga, para defesa prefiro uma faca convencional, para não ter os pulsos ou os braços atingidos. Mas e você? Qual a sua opinião? Qual sua lamina favorita?

Dúvidas? sugestões? Deixem nos comentários. Se gostaram deem um curtir e compartilhem. E não esqueçam de clicar em um dos anúncios para nos ajudar a continuarmos com nosso trabalho. Muito obrigado.



Prof. Marcos Antônio Ribeiro dos Santos

 

2 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...