domingo, 8 de julho de 2018

Cuidados nas Praias: Afogamentos, poluição, tubarões, arrastões, e outros perigos



Nada melhor do que aproveitar as férias para se divertir, e pegar uma praia, mas devemos estar preparados e atentos a precauções importantes para se divertir sem correr perigo. Poluição, perigo de afogamento, arrastões e principalmente cuidado com as crianças são essenciais.

Nessa postagem vamos falar sobre os cuidados que deve tomar se pretende ir a praia para se divertir, sem surpresas desagradáveis. 




Perigos na areia e no mar


Afogamento, poluição, ataque de tubarões, arrastões, são alguns do muitos perigos que podemos nos deparar na praia. Abaixo vamos abordar esses problemas, assim como dicas para que tenha uma férias muito divertida com sua família, sem problemas:


Tubarões 

  
Muitas pessoas desconhecem, mas são inúmeros os casos de ataques de tubarão. Em Pernambuco para se ter ideia, há 25 anos,  entrava no roteiro mundial das estatísticas de incidentes com tubarão ao começar a registrar oficialmente ataques desse predador. Ao longo de mais de duas décadas, 62 vítimas foram atacadas, das quais 24 morreram, só nesse Estado.















Verme Bicho Geográfico
Um verme muito comum que infecta os frequentadores das praias são os bichos geográficos. Esses parasitas estão presentes no intestino e nas fezes de animais domésticos como cachorro e gato. A pessoa é contaminada quando a pele ferida entra em contato com resquícios das fezes desses animais, que estão presentes  na areia da praia.



Os sintomas de bicho geográfico podem demorar algumas semanas ou meses para aparecer, porque na maioria dos casos os parasitas ficam adormecidos debaixo da pele. Porém, quando surgem, geram sintomas como:

Coceira na pele, que costuma piorar durante a noite;

Sensação de movimento por baixo da pele;

Vermelhidão na pele semelhante a um caminho tortuoso, que é por onde a larva passa;
 
Inchaço na pele.




Arrastões

 
Procure sempre locais que ofereça várias saídas caso precise se retirar rapidamente com sua família. São diversos os números de arrastões registrados  nas praias brasileiras,  abaixo coloquei uma estatística só do Rio de janeiro.


Infelizmente são casos cada vez mais comuns na realidade brasileira.




Poluição


 A falta de respeito com o meio ambiente e o próximo, são também outra triste realidade que pode ser confirmada pela quantidade absurda de lixo nas praias.


Observe as placas de aviso para saber se  é seguro se banhar em determinada praia devido o nível de poluição.





Afogamento 

Afogamentos também são muito bastante comuns, é necessário ter muita cautela ao entrar em rios e praias, principalmente quando o ambiente é desconhecido. É vital obedecer  as placas de sinalização, pois normalmente indicam onde estão os perigos do mar e a corrente de retorno. Esta corrente é o retorno da água para dentro do mar, trazida pelas ondas, e ela arrasta as vítimas para o mar. A orientação para sair de uma corrente de retorno é sempre pela lateral à praia. Se você for um bom nadador, nade na diagonal. Em caso de mau nadador, peça ajuda levantando as mãos e boiando.

Para criança, os cuidados devem ser redobrados tanto no mar quanto na areia. É necessário adotar medidas para que o passeio não se torne um pesadelo. A pulseira de identificação pode ser solicitada a qualquer guarda-vidas que esteja no local. Crianças com idade abaixo de cinco anos o ideal é estar ao alcance das mãos dos pais, os demais ao alcance da vista. Em caso de desaparecimento, procure imediatamente o guarda-vidas








Raios 

Em casos de chuvas ou trovoadas saia imediatamente da praia e procurar um abrigo mais próximo. Não fique embaixo de árvores ou guarda-sol, o ideal é se abrigar em uma edificação, longe de janelas.  Dados do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE) apontam que 80% das mortes por raio ocorrem por falhas na proteção, considerando, inclusive, que o Estado de São Paulo é o que possui maior índice de queda de raios no Brasil.



Dicas importantes:

Cuidados com raios

- Afaste-se de árvores e terrenos abertos;

- Não permaneça em piscinas, rios e praias;

- Evite ficar em morros e terrenos elevados;

- Evite o uso de qualquer telefone, mesmo sem fio ou celular;

- Caso não encontre um abrigo por perto, fique agachado com os pés juntos, curvado para frente, colocando as mãos nos joelhos e a cabeça entre eles até a tempestade passar.

Cuidados com mar

- Nunca nade após ingerir bebidas alcoólicas, alimentos ou se estiver passando mal ou com frio;

 - Evite aproximar-se de costões. Ao caminhar sobre as pedras destes ambientes, observe antes se uma onda não poderá atingi-lo e jogá-lo no mar;

- Para maior segurança, banhe-se num raio de 200m do posto de guarda-vidas;

- Respeite a placa de sinalização;

- Antes de mergulhar, certifique-se da profundidade. Um acidente pode provocar sequelas irreversíveis;

Cuidados com crianças

- Crianças exigem cuidado redobrado. Não as perca de vista;

- Sempre que possível, opte pelo uso do colete salva-vidas ao invés de objetos flutuantes;

- Procure uma pulseira de identificação;

- Para aproveitar a praia em segurança, é primordial que o banhista respeite sempre a orientação do guarda-vidas.

Conheça as principais placas de sinalizações de praia clicando na imagem abaixo:


http://sinatran.com.br/loja/index.php?route=product/category&path=81_173





Conclusão


Período de férias e feriadões prolongados é muito comum a família querer de divertir e curtir a beleza da praia. porém essa beleza como vimos acima esconde diversos perigos. Se prepare e a sua família, para possíveis imprevistos. Observe as placas e sempre siga as orientações dos guarda vidas, afinal eles são profissionais, são treinados e preparados para essas eventualidades.

Lembre-se: Sempre se divirta com sua família de forma consciente, e esteja sempre preparado.


Dúvidas? sugestões? Deixem nos comentários. Se gostaram deem um curtir e compartilhem. E não esqueçam de clicar em um dos anúncios para nos ajudar a continuarmos com nosso trabalho. Muito obrigado.

  

E não esqueça de  visitar nossa biblioteca sobrevivencialista virtual, clicando na imagem abaixo: 


http://centrodeestudomars.blogspot.com.br/p/biblioteca.html


Prof. Marcos Antônio Ribeiro dos Santos

  

Colaboração:

 Dr. David S. 

 

Conheça Também:

Conheça nosso Canal no Youtube:

Conheça nossa página no Facebook:

 

 

Trailer do Canal:


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...