terça-feira, 22 de janeiro de 2019

Papo Reto: A principal missão do homem é promover seu próprio nascimento


Sobrevivencialismo é uma ciência, e uma filosofia de vida, trata do aprimoramento físico, mental e espiritual do individuo para sobreviver a circunstâncias físicas e psicológicas difíceis, que normalmente quebraria um ser humano despreparado. O sobrevivencialismo é celebração da vida, uma vez que você a valoriza e a protege, a sua e de sua família. Mas muitas vezes a criança nasce em um lar disfuncional, despreparada ou as vezes nem família tem. Então com isso o individuo cresce com deficiências em sua formação, muitas vezes aprende com a própria família que a violência é errada, ou armas são coisas malignas, gerando a hoplofobia, onde o individuo aprende a ter medo de ser responsável pela sua própria vida. 

A verdade é que a existência é caótica, e incerta e ao longo de nossa caminhada vai nos tirando mais e mais, tudo em prol do seu pragmatismo entrópico. Pessoas que amamos,  coisas que conquistamos, e com a idade até a nossa saúde. O sobrevivencialismo é uma forma de dizer estou aqui e continuarei caminhando apesar das adversidade. O sobrevivencialismo não se esconde atrás de escapismo, ou imaterialidade. Ao contrário  nos da oportunidade de autoconhecimento, conhecendo nossos limites e nossa força. nos permite aprimorar e se adaptar as pedras do caminho. 

Muitos acham que sobrevivencialismo é só aprender técnicas, mas isso é só uma parte, pois a base de tudo é reprogramação mental. Devemos promover o nosso segundo nascimento, como homens fortes, preparados e conscientes de nossas limitações. E transformar essas limitações em uma nova forma de encarar o mundo. Entenda na vida poucos estarão lá quando as luzes apagarem por você, e outros que torcem por você pela própria inconstância da vida não estarão em sua vida para sempre.Então encare com seriedade o que é ser um sobrevivente, e procure reprogramar a sua mente. Tudo pode ser mudado, já que nossa visão do mundo é só uma percepção que nos foi ensinada e condicionada. Não temos culpas de nascermos fracos, mas com certeza somos responsáveis por nos tornarmos fortes. Semper fi.

Dúvidas? sugestões? Deixem nos comentários. Se gostaram deem um curtir e compartilhem. E não esqueçam de clicar em um dos anúncios para nos ajudar a continuarmos com nosso trabalho. Muito obrigado.


E não esqueça de  visitar nossa biblioteca sobrevivencialista virtual, clicando na imagem abaixo: 



http://centrodeestudomars.blogspot.com.br/p/biblioteca.html



Prof. Marcos Antônio Ribeiro dos Santos

  

Colaboração:

 Dr. David S. 

 

Conheça Também:

Conheça nosso Canal no Youtube:

Conheça nossa página no Facebook:

 

Trailer do Canal:



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...