sexta-feira, 1 de fevereiro de 2019

Sobrevivencialismo urbano: Cuidados básicos para evitar acidentes na limpeza da arma



As armas são máquinas mecânicas robustas e confiáveis, mas não permanecerão assim se não forem mantidas adequadamente a sua limpeza e manutenção.  Armas de fogo sejam disparadas sem o uma limpeza regular e da lubrificação adequada, pode resultar em mau funcionamento e danos permanentes. Isso se falando em um equipamento de autodefesa pode significar a diferença entre a vida e a morte sua e de sua família em um cenário de crise.


As armas defensivas devem ter um cronograma de limpeza muito mais rigoroso, do que uma arma de tiro esportivo.  Eles devem ser limpas periodicamente, armazenadas limpas, carregadas limpas e verificadas regularmente quanto à acumulação de sujeira e níveis adequados de lubrificação.  


Observação importante: As informações presentes nesta matéria são para o público maior de 18 anos, para fins de conhecimento didático, e treinamento combativo baseado na legítima defesa e estrito comprimento legal que estão em nossa constituição e Código Penal. O uso indevido dessas informações, bem como suas consequências é de responsabilidade única e exclusivamente de quem praticar e desobedecer a lei. Então use o cérebro.



Depois de ler a mensagem acima podem iniciar a leitura do artigo abaixo:







Não adianta apenas ter,  tem que saber manter


Resíduos e sujidades no mecanismo da arma podem causar mal funcionamento ou danifica-la. Situações de autodefesa são dirigidas e moldadas por muitos fatores fora do seu controle, então como sobrevivencialista, preparador, e combatente urbano devemos sempre estar prontos para quando a eventualidade aparecer.  Assim, manter uma regularidade para a limpeza e lubrificação da mesma pode fazer toda a diferença quando a eventualidade aparecer. Então vamos aos passos básicos para você aprender a limpar sua arma com segurança:

Preparação


Antes de limpar uma arma, é importante passar algum tempo de qualidade revisando o manual do proprietário, se  não tiver peça um ou procure on-line.   As especificações de cada arma precisa para a limpeza muda com cada marca e modelo. Isso o ajudará também a evitar danificar a arma, lançando molas pela sala ou deixando as peças principais da pistola sem lubrificação. Certifique-se de entender o layout da sua pistola e as ferramentas e procedimentos para desmontagem e remontagem.  Isso ajudará você a evitar danos à arma, lançando molas pela sala ou perdendo aquelas pequenas peças importantes que podem cair e se perder.


Prepare sua área de trabalho

  
Encontre um lugar com boa circulação de ar para limpar suas armas, sempre trabalhe em uma área bem ventilada e preparada para a limpeza de armas.  Os produtos químicos e compostos produzidos pelo disparo, bem como aqueles usados ​​ para limpar e lubrificar, são tóxicos e devem ser manuseados com cuidado. Depois de escolher um espaço de trabalho apropriado, remova toda a munição da área.  Todas as munições soltas e encaixotadas devem ser devolvidas ao seu local de armazenamento adequado antes de começar.  Só depois disso é que você deve pegar sua arma e se certificar de que está claro.  Se a arma tiver revistas extras, verifique se elas estão vazias também.


Bancada de trabalho 


Uma maneira rápida e fácil de preparar uma bancada ou mesa é cobri-la com um grande saco de lixo de plástico.  Cubra o saco com algumas camadas de jornal ou uma camada de papel toalha e troque  quando  ficar muito sujo.  Quando você terminar a sessão de limpeza, basta virar o saco de lixo de dentro para fora para capturar os detritos, amarrá-lo e jogá-lo fora. É uma boa ideia usar óculos de segurança e luvas de proteção para reduzir a exposição a materiais tóxicos.  

Um tapete de borracha com uma superfície antiderrapante ajudará a proteger as peças e a bancada de trabalho contra danos.  Um descanso mesmo improvisado mantém a arma sob controle e deixa as mãos livres para controlar peças soltas e equipamentos de limpeza.  Um torno de bancada pode parecer tentador, mas deixe-o em paz: muita pressão do torno pode rachar o material ou até esmagar o receptor.

Além disso, uma lata velha de biscoito ou lata de café é útil para a fixação de peças soltas.  Um contêiner ajuda a mantê-los em um único local, para que as peças pequenas não sejam perdidas ou separadas.  Você pode querer dois: um para peças sujas esperando para ser limpo e um segundo para peças que já foram limpas.  Por último, aqui está um truque para quando as molas ou os pinos voam: Mantenha uma lanterna à mão, pois geralmente é uma grande ajuda para encontrar partes perdidas.  Mesmo os mais pequenos pinos e molas que caíram no chão vão lançar uma sombra quando um feixe de luz passa sobre eles.

Cuidado extremo: Pode parecer mentira mas é grande o número de acidentes de pessoas que limpam as armas com munição na câmera por esquecimento ou por descuido, causando ferimentos e até fatalidades. Já que um tiro na coxa perfurando a artéria femural ou mesmo um ricochete de um disparo pode ser fatal. Certifique-se de que a arma esteja descarregada e apontada em uma direção segura antes de começar a limpeza e que toda a munição tenha sido removida da área.


 


Kit de limpeza 



 O que você precisa: 
  Solvente de limpeza
  Lubrificante ou óleo 
  Um pincel
  Haste de limpeza
  Pedaços de panos velhos e algodão
  Lanterna
  Uma escova de limpeza de nylon
  Cotonetes
  Panos de microfibra para polimento 


Um conjunto básico de ferramentas de limpeza de pistola inclui solvente para ajudar a remover o entupimento de chumbo e pó, lubrificante (óleo de pistola), uma escova de perfuração, um suporte de remendo e remendos e uma haste de limpeza.  Alguns itens a mais podem ser úteis, como uma escova de limpeza de nylon, uma lanterna ou um pequeno orifício de luz, e cotonetes de algodão para espaços apertados.  À medida que você conhece sua arma, quais ferramentas adicionais são úteis se tornarão evidentes. Os pontos mais sutis do que uma arma mudam a cada marca e modelo.   No entanto, o processo geral de limpeza permanece o mesmo, não importa o modelo.


Desmontagem 

  
Verifique o manual do proprietário para instruções de desmontagem para preparar a pistola para limpeza.  Não desmonte sua arma mais do que você precisa, a menos que exija reparo, desmonte apenas o quanto o fabricante recomenda. Isso permitirá que você acesse todas as partes que estiverem sujas de serem disparadas. As semiautomáticas têm uma grande variedade de configurações, por isso leia o manual e compreenda o processo de remoção de campo da sua pistola, porém as pistolas e espingardas semiautomáticas geralmente serão desmontadas em seus principais componentes: barril, corrediça, haste guia, estrutura e magazine. Revólveres de ação simples exigem que o cilindro seja removido da estrutura, e os  revólveres de ação dupla apenas mova o cilindro para a posição aberta. Todos os três tipos de armas de fogo podem exigir que você remova a alça ou os painéis da alça como parte do processo de limpeza.


A limpeza



Para começar, coloque uma escova de perfuração na haste de limpeza.  Aplique solvente no pincel e empurre-o para frente e para trás no orificio do cano várias vezes.  É uma boa ideia limpar e adicionar solvente ao pincel uma ou duas vezes mais enquanto trabalha.  Evite mergulhar a escova de perfuração diretamente no frasco de solvente, pois isso irá sujar o solvente.  Em vez disso, despeje o solvente sobre a escova sobre um recipiente limpo e, em seguida, use o solvente no recipiente para tratar remendos e trapos.

Esfregue o orifício do cano com uma escova de perfuração tratada com solvente.  Para semi automáticas, esfregue da câmara para o focinho.  Para revólveres, esfregue do focinho para o interior do quadro.


Uma vez que o cano esteja completamente limpo, coloque um pedaço de tecido  na haste de limpeza e passe pelo cano.  O primeiro pedaço de tecido estará bastante sujo e precisará ser substituído.  Passe outros pedaços de tecidos limpos através do orifício até que eles comecem a sair do barril parecendo relativamente limpos.  Use uma luz para verificar o diâmetro do cano.  Se você ainda ver a obstrução presa no interior do cano, passe a escova e o solvente novamente, seguidos por mais tecidos.


Use tecidos umedecidos com solvente para finalizar a limpeza do furo após o uso de uma escova perfurada.  Use tecidos secos para limpar o orifício e, em seguida, use um umedecido com óleo de pistola para preservar e proteger o orifício.

Depois de remover toda a sujeira visível com a escova de perfuração, passe mais um ou dois de pano com solvente pelo cano para remover quaisquer partículas soltas.  Finalmente, passe um pedaço limpo tratado com um pouco de óleo de pistola ou lubrificante através do orifício.  Esta fina camada de óleo protege o orifício da umidade.

Este processo é realizado apenas uma vez para pistolas, pois você só tem ele para limpar.  Revólveres, por outro lado, têm um longo cano e cinco ou seis câmaras no cilindro.  Cada câmara deve ser escovada e limpa como o cano.


 Use uma escova de limpeza de nylon para limpar as outras partes da arma. Use sua escova de nylon, com algum solvente, para esfregar as outras partes da pistola e, em seguida, use um pano para limpar o solvente e os resíduos.  Seja meticuloso na sua inspeção da pistola.  Se algo parece sujo, é.  Verifique os cantos e recantos para um acúmulo de incrustações.  Para pistolas, preste muita atenção na limpeza das ranhuras internas do escorregador, sob o ejetor e os pontos de contato entre o escorregador e a armação.  Para revólveres, fique atento ao acúmulo em torno do cone de força, da face do cilindro e da catraca do cilindro.  Para revólveres de ação dupla, não se esqueça de verificar também a estrela ejetora.

Não é necessário deixar a pistola a pingar de solvente, um pouco é suficiente.  Como já dito, quanto atenção de limpeza é necessária, e onde deve ser direcionada, depende da arma e quanto ela foi disparada.  Assim como o seu trabalho com os tecidos, se você esfregar uma área com um pano limpo e ficar manchado, mais limpeza será necessária.  Limpe a pistola de todos os solventes antes de lubrificar seguindo as instruções do manual do proprietário para adicionar pequenas quantidades de lubrificante nos pontos apropriados da sua arma de fogo.


Lubrifique a arma



Os pontos de lubrificação diferem de pistola para pistola.  Em geral, as pistolas precisam de lubrificante, onde as várias partes se esfregam umas nas outras à medida que a ação se desenrola.  Os revólveres precisam apenas de um pouco de lubrificação.  As ações simples precisam de um pouco no pino do cilindro e na catraca, enquanto as ações duplas precisam de algo na haste do ejetor e na catraca do cilindro.  A chave não é lubrificar demais.  Demasiada servirá apenas para atrair e reter a incrustação de armas.


Quando a limpeza e a lubrificação estiverem concluídas, monte o revólver e limpe-o com um pano ou um pano limpo para remover o excesso de lubrificante.  Use um pano de acabamento (mostrado aqui) ou um pano tratado com um pouco de óleo para limpar o exterior da pistola mais uma vez para protegê-la da umidade e da corrosão.

Finalizando: Para preservar e proteger o acabamento exterior da pistola, é necessário um revestimento leve de conservante.  Aplique um pouco de óleo de pistola ou conservante de metal em um pano limpo e limpe as superfícies externas da pistola.  Pense nisso como dar ao seu carro uma rápida camada de cera antes de estacionar na garagem.  Coloque a pistola em seu recipiente. 

Verificação do funcionamento 


Depois de remontar a arma, é hora de garantir que todas as partes funcionem corretamente.  Verifique a segurança e o gatilho para o funcionamento adequado.   Cicle a ação algumas vezes para espalhar o lubrificante uniformemente e para garantir que tudo esteja funcionando corretamente.  Se algum lubrificante sair das articulações, limpe-o com um pano.  Quando estiver satisfeito de que tudo está em ordem, você deve lubrificar as superfícies metálicas externas da pistola, pois o suor e o óleo corporal das mãos podem ativar a ferrugem.  Não exagere;  uma leve camada de óleo é suficiente.  Esteja ciente de que o óleo da pistola pode amolecer a madeira, por isso cuidado.


Observação importante: Neste artigo estou abordando apenas o básico para evitar acidentes que possam te machucar ou danificar seu equipamento. A limpeza como disse acima deve ser observada do modelo a modelo, de acordo com o manual do proprietário. Rifles de precisão por exemplo, se usar determinada forma de limpeza do cano de outro tipo de arma de pequeno porte pode causar avarias, ranhuras, com o tempo na parte interna do cano que podem prejudica-la em sua precisão.  Mas você também pode buscar vídeos de manutenção mais específicos em relação a limpeza de cada modelo.




Conclusão:

   
Armas de fogo mantidas limpas e lubrificadas são mais seguras, mais precisas e mais confiáveis para serem usadas em um momento de crise.  Os bons hábitos de manutenção também ajudam-no a conhecer melhor a sua arma e a ter mais confiança no seu desempenho, quanto mais conhecer a sua arma, melhor você poderá diagnosticar problemas de precisão e funcionamento.

Momentos de crise são imprevisíveis mas como combatentes urbano devemos estar preparados, e manutenção do equipamento de autodefesa pode ser a diferença entre a vida e a morte nossa e de nossa família. Semper fi.



Dúvidas? sugestões? Deixem nos comentários. Se gostaram deem um curtir e compartilhem. E não esqueçam de clicar em um dos anúncios para nos ajudar a continuarmos com nosso trabalho. Muito obrigado.




E não esqueça de  visitar nossa biblioteca sobrevivencialista virtual, clicando na imagem abaixo: 



http://centrodeestudomars.blogspot.com.br/p/biblioteca.html



Prof. Marcos Antônio Ribeiro dos Santos

  

Colaboração:

 Dr. David S. 

 

Conheça Também:

Conheça nosso Canal no Youtube:

Conheça nossa página no Facebook:

 

Trailer do Canal:

 



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...